Filme: Daratt [Mahamat-Saleh Haroun]

A proposta é, e continua sendo, falar sobre literaturas africanas de língua portuguesa. O caso é que eu já perdi o foco na 4ª publicação, ao falar da Elean Thomas, que é jamaicana e escrevia em inglês. Já que a maionese desandou, resolvi publicar alguma coisa sobre cinema africano. Escolhi um filme ao qual assisti recentemente e que me causou ótima impressão. Certamente seguirei transgredindo a proposta com regularidade, se for “para o bem da cultura”.

=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|
Título original: Daratt – Saison Sèche
Diretor: Mahamat-Saleh Haroun
País: Chade, França, Bélgica, Áustria
Gênero: Drama
Ano: 2006
Duração: 95 min
=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|=|

Chade, 2006. O governo outorgou anistia a todos os criminosos de guerra. Atim, menino de 16 anos, ganha um revólver, presente do avô, para que possa matar o homem que matou seu pai. Atim deixa sua aldeia em direção à N’djamena, procurando um homem que ele não conhece. Rapidamente o localiza: criminoso de guerra anistiado, Nassara agora está casado e possui uma pequena padaria. Com a óbvia intenção de matá-lo, Atim aproxima-se de Nassara, com o pretexto de conseguir emprego, e é contratado como auxiliar de padaria. Intrigado pela atitude de Atim com relação a ele, Nassara o acolhe e lhe ensina todos os segredos de fazer pão. Passadas semanas, a relação entre eles vai ficando cada vez mais próxima a uma relação entre pai e filho. Agora, está fácil para Atim dar cabo do assassino de seu pai. Ao menos é o que ele pensa…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s